sábado, 25 de junho de 2011

Não adiante ser somente professor tem que participar




Heydi Milhose

3 comentários:

  1. Comentário off ao post mas vamos lá!
    Essas ultimas semanas eu estava me sentindo mal, não sei o que era, um mal estar que não era físico, só queria ficar na cama o dia todo imaginando a minha vida e a mim mesma. Sempre gostei de dança, de vários tipos, apesar de amar os ritmos contagiantes do hip-hop, jazz, danças de salão eu sempre acabo voltando minha atenção para o ballet, quando era menor mencionei ao meu pai minha vontade de dançar ballet e como esposta obtive: "Pra que que vc quer dançar isso? Isso é coisa pra rico, gente pobre não pode gastar dinheiro com coisas inúteis, vc devia fazer um curso de computação ou enfermagem!" E como era menor e totalmente dependente do meu pai parei de pesquisar sobre ballet pois me deixava triste, até que desencanei totalmente! (isso foi a uns 6 anos atrás talvez +).
    A + ou - 1 semana vi um DVD do filme Cisne Negro no quarto do meu pai e resolvi assistir, aquele começo quando mostram um close dos pés da bailarina me peguei com lágrimas nos olhos, encantei com o filme e resolvi dar só uma pesquisadinha pra ver alguns videos de ballet clássico foi qndo achei uma comunidade no orkut chamada "Sapatilhas de ponta" e lá um post no blog Caminhante diurno sobre as dificuldades de se começar ballet tarde e olhando vários links achei o seu blog! Fiquei até 4 da manhã lendo mas li todos os posts, chorei muito, e quando terminei de ler me preparei para dormir e quando deitei percebi que eu estava me sentindo melhor, que boa parte do meu mal estar que tanto me encomodava havia ido embora, me sentia mais leve e o melhor de tudo senti esperança de realizar um sonho que já havia deixado de lado, vendo a sua história e como vc começou o ballet tarde e olhando as fotos dos seus pés que são exatamente como os meus (até o formato do dedão) eu vi que toda aquela velhice q eu sentia qndo pensava no ballet foi diminuída! Enfim, desculpa pelo post gigante mas sou uma pessoa bem emotiva e acabo falando muito quando fico assim!
    Pode parecer bobo dizer isso mas, obrigada por compartilhar sua história, porque certamente pra mim conhecê-la fez uma grande diferença!

    ResponderExcluir
  2. escrevenco com os pés27 de junho de 2011 13:06

    Priska espero realmente que vc leia esta resposta. Não consegui achar seu blog.

    Eu realemnte tive muitas dificuldades e muuuito pouco incentivo. Mas estou vencendo muitos obstaculos.

    Obrigada por vc ter me visitado e fico orgulhosa de dela como admiradora.

    E então, vai ou não vai fazer ballet?

    ResponderExcluir
  3. Fico feliz por ter lido o meu texto enorme, e eu não tenho blog, não tenho muita história pra contar, ainda!
    Irei sim fazer ballet, mas estou desempregada no momento então ainda vai levar um tempinho, mas assim que conseguir trabalho vou procurar uma escola! Acho que vou começar a fazer uns alongamentos e exercícios leves pra trabalhar a flexibilidade já de agora pra facilitar quando começar a ter aulas! Não deve ser difícil achar vídeos pra ter uma idéia de como fazer!
    Obrigada pela resposta!

    ResponderExcluir

Sejam sinceros ;)